<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d5515885\x26blogName\x3dAlbergue+dos+danados\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://alberguedosdanados.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://alberguedosdanados.blogspot.com/\x26vt\x3d-3105585526933720520', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
Albergue dos danados

Blog de maus e mal-dizer 

2011-06-16


Os dois corpos da democracia. Talvez não seja desaconselhado não dar corda demasiada ao deslumbramento em relação à dimensão metafísica ou transcendental do resultado de uma eleição legislativa. A equação e o processo de representação política podem muito mas não podem tudo e o muito que podem não podem sob quaisquer circunstâncias ou durante o tempo todo. Porque uma coisa é a legitimação pelo procedimento, conforme a definiu Luhmann, outra coisa é a legitimação pelo consenso, conforme a definiu Habermas. Atendendo a esta diferença, é provável que não demore a perceber-se que, quando a mole gentia começar a ganir e a rosnar na rua porque a governação está a vibrar-lhes golpes no osso - a austeridade é a doer -, a legitimidade do governo próximo não há-de parecer tão inequívoca quão a pretendem estabelecer ou decretar agora. A mística democrática - nomeadamente a que decorre da legitimação pelo procedimento - resiste enquanto não doa demasiado a quem nela crê. O povo não é de confiança quando o produto da governação e a percepção disso fazem com que o governo não seja de confiança. Nunca descurar o poder e o efeito político do mesmo. Nicky Florentino.


Enviar um comentário

2003/2017 - danados (personagens compostas e sofridas por © Sérgio Faria).