<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d5515885\x26blogName\x3dAlbergue+dos+danados\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://alberguedosdanados.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://alberguedosdanados.blogspot.com/\x26vt\x3d-3105585526933720520', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
Albergue dos danados

Blog de maus e mal-dizer 

2016-12-05


Escala de Hobbes, v. Não é optimismo, é estupidez admitir ou considerar que, porque não há guerra, há paz. Segismundo.

Referência

2016-11-28


errata d’helder, xix. página sessenta e quatro, linha onze, onde se lê imortalidade deve ler-se imoralidade. Edgar da Virgínia.

Referência

2016-11-21


Escala de Heathcliff, ii. A cada qual segundo os seus pecados. Segismundo.

Referência

2016-11-14


melancolia zündapp

# xlv
. coração t2, t3, mais uma assoalha, com garagem própria. coração de pedra é diferente, tanto na engenharia quanto na alvenaria. Edgar da Virgínia.

Referência

2016-11-09


A man boy of constant sorrow, ii. Pouco depois de ela sair de casa, mais para lá do que para cá, ele tacteou o telemóvel, escreveu trump le monde, enviou-lhe a mensagem, uma declaração de empatia e simpatia, intimidade. Libelo e sentença dela, já há quem tenha feito esse trocadilho. Como o mundo, o desamor é doméstico. Segismundo.

Referência



A man boy of constant sorrow, i. Ele dormia, não roubou, não matou. Ela acordou-o, parece que o Trump ganhou, com voz de sirene. Míope, remelhoso, como quem quer que o mundo se foda apesar de ser o mundo que estima deveras que ele se foda, abriu os olhos, murmurou talvez está bem, talvez foda-se, não se sabe o quê. Alarmada, atónita, só vi os títulos, ela continuou em modo despertador e atalhou de modo sumário, cautelar, não li o resto, qualquer esclarecimento cuja requisição ele tivesse a veleidade de balbuciar. E, lesta, saiu de casa. Segismundo.

Referência

2016-11-07


Página do livro das podas, i. Em termos líquidos, oO mar é uma autoridade.superior. Segismundo.

Referência

2016-10-31


errata d’helder, xviii. página sessenta e quatro, linha dois, onde se lê prejuízo deve ler-se perjúrio. Edgar da Virgínia.

Referência

2016-10-24


Contra factóides, ii. Massificar não é o mesmo que democratizar. Nicky Florentino.

Referência

2016-10-17


melancolia zündapp

# xliv
. nenhum coração distingue crueldade de liberdade. Edgar da Virgínia.

Referência

2016-10-10


Escala de Heathcliff, i. A crueldade é um exercício de existência e de resistência. Segismundo.

Referência

2003/2016 - danados (personagens compostas e sofridas por © Sérgio Faria).