<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d5515885\x26blogName\x3dAlbergue+dos+danados\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttps://alberguedosdanados.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttps://alberguedosdanados.blogspot.com/\x26vt\x3d-5653591469084247704', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
Albergue dos danados

Blog de maus e mal-dizer 

2008-08-09


manifesto do décimo primeiro mandamento da lei de deus, não foder veículo alheio e dar ao slide


há uma raça de filhos da puta que merece atenção dedicada, a raça dos filhos da puta que não respeitam a propriedade alheia, nomeadamente a estirpe que abrasa o carro de outrem estacionado dentro de um rectângulo marcado no asfalto, fodendo-lhe o guarda-lama traseiro direito, e, sem aviso e honra, arranca, como se fosse alimária pela calada e pelo avesso da culpa. a esta raça de filhos da puta, deus deveria providenciar-lhe a ruptura do baço e uma convalescença longa e dolorosa. depois, quando os filhos da puta da raça referida estivessem sãos, deus também deveria diligenciar no sentido de prover-lhes a inflamação de um tímpano durante três quinze dias. isto sem atender ao género dos elementos de tal raça de filhos da puta. considerando este parâmetro, se os filhos da puta forem machos, em complemento, os testículos deveriam inchar-lhes e encher o escroto, de modo a que lhes fosse difícil caminhar. se forem fêmeas, em complemento também, os pipos das mamas deveriam descair até aos joelhos. e, porque não há motivo para desejar-lhes a morte ou suprimir-lhes a vida, deveriam viver assim, iluminados pela miséria do seu carácter, até aos cem anos de idade. com pedra nos rins ou cueiro.
o vírus santo.


2003/2022 - danados (personagens compostas e sofridas por © Sérgio Faria).